Entenda o que você deve levar em consideração na hora de trocar de aparelho

Em geral, estima-se que os brasileiros costumam trocar de celular com intervalos de tempo entre oito meses e dois anos. Tudo vai depender do quão potente é o aparelho na hora da compra. Os modelos mais básicos podem até custar menos, mas fazem com que as pessoas os troquem mais rápido.

Já os modelos mais potentes podem durar até dois anos. Mas será que existe um momento ideal para trocar de aparelho? A resposta para essa pergunta não é definitiva, mas podemos apontar alguns indícios que podem levar você a escolher o momento ideal para comprar um novo celular.

Todo ano tem lançamento

A primeira coisa a ser fazer é ficar de olho nas datas de lançamento dos aparelhos. Não é porque você comprou um celular no mês de maio, por exemplo, que significa que o fabricante vá lançar uma atualização apenas em maio do ano seguinte. O que vale não é a sua data de compra, mas sim a data de lançamento.

É por essa razão que muitas pessoas compram um celular e depois de um mês ou dois ficam frustradas porque o fabricante lançou um modelo novo.

Pesquisar esse tipo de informação é importante, especialmente se você planeja comprar o modelo mais novo disponível. Confira os lançamentos que vão dominar o mercado.

trocar de celular

Espere uma promoção

Os preços de smartphones variam muito e, por essa razão, é preciso sempre pesquisar qual é o preço dos modelos que você deseja comprar. A nossa recomendação é que você estenda essa pesquisa por um período mais amplo, como 30 dias.

Nesse intervalo de tempo é possível que os preços variem muito e, sabendo qual é o preço-base, você consegue aproveitar promoções com descontos de verdade.

Ao final de 30 dias, ao fazer a compra você terá a certeza de que está pagando um preço justo pelo aparelho e, de quebra, aumenta as suas chances de conseguir promoções mais interessantes e trocar de celular.  

Não se deixe influenciar pela propaganda

Se depender dos fabricantes, todos os anos você vai ter que trocar de celular. O desejo deles é que você sempre tenha o modelo mais novo. Contudo, você não precisa necessariamente seguir essa regra.

Muitas vezes, é mais interessante pagar um pouco mais caro em um celular, mas tê-lo ao seu lado por mais tempo, do que economizar e, no médio prazo, ter que antecipar a troca.

Você deve trocar o seu aparelho apenas quando você estiver precisando, e não simplesmente porque um modelo novo foi lançado.

A tempo médio de vida de um celular é de dois anos, mas se após esse período ele ainda estiver atendendo as suas necessidades então não há razão para fazer a troca. Entenda também como funciona o processador do celular.

Primeiro trimestre do ano não é um bom momento

A indústria de smartphones, assim como qualquer outra indústria de eletrônicos, vive de ciclos. Conhecer quando esses ciclos acontecem pode ajudar você a identificar os melhores momentos para se comprar um celular. E o primeiro trimestre do ano, por exemplo, é o pior deles.

Isso porque os meses de janeiro, fevereiro e março são destinados a anúncios de novos aparelhos. Nesse momento, não há a chegada de novos produtos às lojas. Portanto, se você comprar um celular nessa época do ano, o mais provável é que se trate de um modelo do ano anterior.

A dica é esperar o mês de abril, que é quando os modelos anunciados em eventos como a CES – feira de eletrônicos que acontece na cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos – e a MWC – feira de celulares que acontece em Barcelona, na Espanha, são realizadas. Os meses de maio, junho, julho, outubro e novembro são os mais interessantes do ano para a troca de aparelho.

trocar de celular

Esperando o contra fluxo

Para quem não faz questão de aparelhos recém-lançados, uma boa dica é evitar os três primeiros meses de lançamento de um smartphone. Quando o produto chega às lojas, nos três primeiros meses dificilmente os lojistas fazem algum tipo de promoção para reduzir o seu preço.

Porém, passados os primeiros 90 dias, os esforços de marketing do fabricante diminuem – até porque geralmente são direcionados para outros produtos – e por conta disso os preços começam a baixar. Aí pode ser o pulo do gato para você – é o momento em que você conseguirá a melhor relação custo-benefício.

Isso significa preços mais acessível e ainda um período de pelo menos nove meses pela frente antes do lançamento de uma atualização. Obviamente, essa não é uma regra rígida e essa mudança de preço pode ocorrer com 60 dias ou mesmo com 120 dias. De qualquer forma, o melhor a se fazer é monitorar os preços.

Troque de aparelho quando vencer o seguro

A melhor maneira de proteger o seu celular contra furtos, roubos ou acidentes é por meio da contratação de um seguro para celular. Os valores de mensalidade são bastante acessíveis se comparados com o valor do aparelho de forma que é um risco desnecessário ficar com um celular sem proteção.

Assim, um dos momentos mais interessantes para trocar de celular é quando o seu seguro completa um ano.

Ao invés de renovar a apólice para mais doze meses, você já pode aproveitar para adquirir um aparelho novo e, com isso, contratar um seguro para Smartphone também. É o momento mais interessante para garantir proteção total tanto para o aparelho velho quanto para o novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *